A carreira do farmacêutico bioquímico

CONTEÚDO PREMIADO: Registre seus dados e concorra a um iPhone 8

A carreira de farmacêutico analista clínico é valorizada pelo mercado de trabalho. Ser especialista em análises clínicas exige do profissional conhecimentos aprofundados e abrangentes, devido à complexidade da atividade.

Devido ao aumento na oferta de mão de obra qualificada em análises clínicas, ocorrida pela ingressão de outros profissionais no mercado - como os biomédicos - esta carreira apresentou uma queda de remuneração nos últimos anos. Apesar disso, ela ainda configura importante campo de atuação para o profissional farmacêutico, inclusive em pequenas cidades, onde existe possibilidade de empreender na área, investindo na abertura de um laboratório de análises clínicas.

Perfil do farmacêutico bioquímico

É preciso ser proficiente em biologia molecular, bioquímica, citologia e citopatologia, controle interno e externo da qualidade laboratorial, endocrinologia básica e clínica, além de ter conhecimentos nas áreas de química analítica e instrumental. Exige do profissional aptidão para tarefas analíticas e capacidade de concentração. O inglês é indispensável e o espanhol pode ser um diferencial para essa carreira.

O que faz

Em laboratórios de análises clínicas:

- É responsável pelo processo de gestão do laboratorial;

- Atua como responsável técnico geral do laboratório ou de apenas um setor do laboratório;

- É corresponsável de laboratórios de análises clínicas;

- Gerencia a qualidade;

- É responsável pela supervisão técnica, operacional e administrativa;

- Realiza análises de líquidos biológicos e efusões cavitárias;

- Realiza análises utilizando métodos em biologia molecular;

- Faz exames bioquímicos;

- Realiza análises hematológicas;

- Faz exames imunológicos;

- Realiza exames citopatológicos, desde que atendam à legislação específica vigente;

- Promove análises nas áreas de micologia, microbiologia e parasitologia; e

- Desenvolve programas de controle de qualidade interno e externo.

Onde atua

- Laboratórios de análises clínicas particulares, por exemplo: Fleury, Cura, Delboni Auriemo, SalomãoZoppi, Focus etc.

- Laboratórios de análises clínicas públicos, no Sistema Público de Saúde.

Faixa salarial

O salário médio para o farmacêutico bioquímico é de R$ 4.721,00/mensal. O salário pode variar de R$ 2.300,00 a R$ 8.500,00. Esta estimativa tem base em 13 salários postados para este cargo por funcionários no Portal on-line da Love Mondays. Apesar disso, há casos apontados cujos salários excedem os R$ 10.000,00.

Caso de sucesso

O professor do ICTQ - Instituto de Pesquisa e Pós-Graduação para o Mercado Farmacêutico, Rodolfo Fernandes, é um exemplo de sucesso na área bioquímica, tanto que ele é expert em análise clínicas e interpretação de exames, conforme matéria publicada no Portal de Conteúdo da Instituição, intitulada Farmacêutico nas Análises Clínicas - Diabetes, Dislipidemia e Hipotireoidismo,

Ele começou cedo e começou de baixo. A opção pela carreira de farmacêutico bioquímico foi uma escolha prevista, já que atuou, também, como técnico em análises clínicas por 17 anos. “Antes mesmo de concluir a graduação eu já ministrava aulas em cursos preparatórios para concursos e ministrava palestras e cursos sobre análises clínicas. Após a conclusão da graduação eu continuei a carreira como docente com cursos de atualização em universidades particulares no Rio de Janeiro (RJ)”, fala o professor.

Ele conta que o início foi marcado pela atuação na docência e como responsável técnico em um laboratório privado no cargo de farmacêutico bioquímico. A adaptação ao cargo de responsável técnico foi mais fácil devido à experiência adquirida. “Já na docência, a dificuldade foi em receber oportunidades para ministrar os cursos. Tive que exercitar muito o networking pedindo e cavando novas e boas oportunidades”, lembra Fernandes.

Sua capacidade de estabelecer contatos, talvez, seja o grande segredo para Fernandes galgar novos degraus e conquistar oportunidades no mercado de trabalho, desde o início de carreira.

Se ele se considera um profissional de sucesso? A resposta é sim! “Graças a Deus, fui aprovado e classificado em 11 concursos públicos em análises clínicas (três deles em segundo lugar). Sou servidor público em análises clínicas e professor universitário. Acredito que o significado de sucesso, para mim, seja ter o privilégio de atuar nessa área, pela qual sou apaixonado, há mais de 17 anos. Poder ajudar as pessoas como professor é algo também que me gera muita felicidade”, comemora o professor.

Ele, atualmente, está escrevendo um livro sobre exames laboratoriais aplicados à farmácia clínica, que pretende publicar já em 2020. Em relação à formação acadêmica, um doutorado em análises clínicas é um desejo de Fernandes: “Deixo um conselho aos que estão iniciando a carreira: escolham uma área de atuação por amor à profissão. Este é o segredo do sucesso!”.

Como se preparar

O curso de graduação em Farmácia é imprescindível para profissionais que desejam seguir carreira em análises clínicas. A especialização em Análises Clínicas é obrigatória. O ICTQ possui o curso acima citado e é líder no mercado brasileiro em pós-graduação para farmacêuticos.

Atendimento

Atendimento de segunda a sexta-feira,
das 08:00 às 18:00 horas.

Telefones:

  • 0800 602 6660
  • (62) 3937-7056
  • (62) 3937-7063

Whatsapp

Endereço

Escritório administrativo - Goiás

Rua Benjamin Constant, nº 1491, Centro, Anápolis - GO.

CEP: 75.024-020

Escritório administrativo - São Paulo

Rua: Haddock Lobo, n° 131, Sala: 910, Cerqueira César.

CEP: 01414-001 , São Paulo -SP.

Telefones:

(11) 2607-6688
(11) 2268-4286

 

Fale conosco

PÓS-GRADUAÇÃO - TURMAS ABERTAS