Consultório farmacêutico aumenta em 29% o faturamento da Drogaria São Pedro

Aqueles farmacêuticos que apostaram no atendimento clínico em consultório já vêm comemorando, há tempos, o sucesso do aumento da demanda por esse serviço pela população. Segundo pesquisa realizada pelo ICTQ - Instituto de Pesquisa e Pós-Graduação para o Mercado Farmacêutico (sobre a opinião da população a cerca dos consultórios farmacêuticos), sete em cada dez entrevistados preferem farmácias que possuem consultório para atendimento por parte do farmacêutico (73%).

Para exemplificar o sucesso desse movimento, basta citar que uma das unidades da rede de Drogarias São Pedro (MG) chegou a aumentar em 29% seu faturamento, com a introdução de 1.300 novos clientes.

O conceito de consultório farmacêutico foi definido em duas portarias do Conselho Federal de Farmácia (CFF), publicadas em 2013. A existência desse espaço é também apoiada pela Lei 13.021, de agosto de 2014, que dispõe sobre o exercício das atividades farmacêuticas. Segundo dados do Censo Demográfico Farmacêutico, desenvolvido pelo ICTQ, já existem mais de 1.400 consultórios farmacêuticos em todo o País.

A prestação dos serviços clínicos farmacêuticos evoluiu com a implementação do consultório farmacêutico dentro das drogarias. Diversos segmentos do ramo apostam no conceito, e estão investindo nesse novo universo. Nos Estados Unidos, as grandes redes costumam dedicar alas separadas com mais de uma clínica destinada ao atendimento à população. Esse serviço é prestado de maneira contínua, com hora marcada e acompanhamento personalizado.

Por lá, o farmacêutico pode prestar assistência, prescrever alguns medicamentos, aplicar vacinas, fazer limpeza de ouvido, remoção e renovação de curativos, avaliação física completa, entre outros tipos de atendimento. Para cada um deles há um preço. Os encontros com os farmacêuticos costumam ser documentados eletronicamente e o programa gera um relatório que segue para o responsável por seu tratamento (no caso de acompanhamento médico).

O empreendedor, Mauricio Lafeta Botelho, dono da Drogaria São Pedro, percebeu esse movimento no mercado e decidiu realizar investimentos pontuais para ampliar alguns serviços e aumentar o faturamento de suas farmácias. Para isso, ele começou implantando um software de gestão de vendas. Em 2017, ele conheceu o projeto do consultório farmacêutico inteligente, e se interessou por implantá-lo em suas farmácias também. Assim, contratou uma consultoria farmacêutica para orientar e viabilizar os processos.

A Drogaria São Pedro possui quatro unidades em Minas Gerais, localizadas em Ubaí, Bonfinópolis de Minas, Brasília de Minas e São Francisco. O diretor estava muito interessado em aumentar a fidelização. Embora já possuísse o cartão fidelidade, enxergou no consultório uma possibilidade de fidelização ainda maior. Além disso, queria aumentar o faturamento e o volume de vendas de nutracêuticos, que têm margem de lucro mais alta.

“O consultório fez toda a diferença nas unidades da Drogaria São Pedro. A grande vantagem é que projeto é totalmente automatizado, e é integrado. E mostra tudo o que tem de ser feito. O software dá todos os parâmetros para a realização da anamnese e de outros serviços. Tudo orientado e controlado”, relata o diretor da rede, Botelho.

O consultor farmacêutico, dr. Guilherme Torres, informou que o seu cliente estava interessado em investir em inovação e aprimorar seus serviços para garantir o desenvolvimento em novas tecnologias e transformar o ambiente da empresa. “Botelho acreditou na oportunidade de melhorias com as possibilidades que as legislações permitiram e com a confiança na empresa para o desenvolvimento do projeto”, falou Torres.

A consultoria ajudou o cliente a atingir o objetivo de driblar a concorrência e se manter no mercado com as inovações existentes no setor farmacêutico. Com isso, aconteceu o investimento em estratégias para melhorar os seus resultados e alcançar os objetivos econômicos, por meio do consultório farmacêutico. A implantação dos consultórios aconteceu de maneira progressiva.

Botelho relata que desde a implementação do consultório o foco passou a ser, além do atendimento, a venda dos nutracêuticos, que segundo ele dão lucro muito alto. “Os farmacêuticos passaram a realizar mais de 30 serviços: exames de glicemia, pressão, exames de HIV, avaliação farmacêutica etc. O leque é grande. Além do acréscimo de 3.000 novos clientes, houve aumento no faturamento e no volume das vendas de nutracêuticos de 150%. Na unidade São Francisco realizamos 1.500 atendimentos, já na de Brasília de Minas são 1.200 e o plano é seguir crescendo”.

Serviços ofertados:

- avaliação de débito de sono;    
- nebulização;         
- aplicação de injetáveis;  
- acompanhamento diabético;     
- acompanhamento para perda de peso;
- avaliação de fármacos para asma;
- avaliação de dependência de nicotina e cessação tabágica;
- rastreamento metabólico;
- curativos leves;
- exames de acompanhamento;
- intervenções farmacêuticas;
- avaliação de risco cardiovascular;
- avaliação de pressão arterial e acompanhamento de hipertenso;
- nível de glicemia;
- avaliação antropométrica;
- avaliação respiratória;
- avaliação de depressão;
- aplicação de brinco;
- avaliação de reações adversas
- nível de triglicérides sanguíneo;
- avaliação da temperatura corporal;
- nível de colesterol sanguíneo; e
- avaliação de nível de estresse.

Resultados já no primeiro mês

Botelho avalia a implementação do consultório de maneira positiva. Segundo ele, os resultados foram atingidos na empresa já no primeiro mês após a implantação do consultório, que ocorreu em setembro de 2017. Ele afirma que, de modo geral, houve aumento no número de clientes, fidelização e prescrições farmacêuticas, aumento nas vendas de produtos fitoterápicos e nutracêuticos, com isso, a empresa aumentou o faturamento.

“Em Brasília de Minas houve 29% de aumento no faturamento e mais de 1.300 novos clientes, ou seja, de mais ou menos 5.000 mil, a carteira subiu para 6.300 clientes. Nessa unidade passamos a realizar 1.200 atendimentos farmacêuticos por mês. Em São Francisco, houve 26% de aumento no faturamento, com acréscimo na carteira de 1.700 clientes. Eram 8.300 clientes e passou para 10.000. Em São Francisco passou a ser feitos 1.500 atendimentos por mês”.

Em cada unidade foram destinados farmacêuticos exclusivos para o consultório. O atendimento às quartas-feiras é gratuito, assim como a primeira consulta de cada cliente. Os valores recebidos são relativos a cada atendimento que possuem preços variados. Ao sair da consulta, o paciente recebe seus resultados impressos e pode levá-los à unidade de saúde ou ao seu médico. A farmácia atua em parceria para obter a vantagem de exclusividade com as distribuidoras de nutracêuticos.

A farmacêutica clínica da São Pedro, Ariane de Almeida Souza, afirma que depois de iniciar sua atuação clínica no consultório, ela passou a ter um conhecimento maior, devido aos diversos atendimentos realizados no dia a dia. “Eu tenho de estudar praticamente todos os dias para dar segurança aos pacientes. Profissionalmente estou bem realizada. Os resultados são muito positivos. Tenho acompanhamento de perda de peso e há pacientes que já eliminaram 15 quilos em poucos meses. Os pacientes confiam no nosso trabalho. Aumentaram as vendas de nutracêuticos e fitoterápicos e cresceu também o movimento geral da drogaria. O consultório é bom para a cidade também”, finaliza.

Atendimento

Atendimento de segunda a sexta-feira,
das 08:00 às 18:00 horas.

Telefones:

  • 0800 602 6660
  • (62) 3937-7056
  • (62) 3937-7063

Whatsapp

Endereço

Escritório administrativo - Goiás

Rua Benjamin Constant, nº 1491, Centro, Anápolis - GO.

CEP: 75.024-020

Escritório administrativo - São Paulo

Rua: Haddock Lobo, n° 131, Sala: 910, Cerqueira César.

CEP: 01414-001 , São Paulo -SP.

Telefones:

(11) 2607-6688
(11) 2268-4286

 

Fale conosco

PÓS-GRADUAÇÃO - TURMAS ABERTAS