Fabricantes de vacinas contra Covid-19 têm ações mais valorizadas

Fabricantes de vacinas contra Covid-19 têm ações mais valorizadas

As indústrias farmacêuticas que se dedicaram à pesquisa de vacinas contra o novo coronavírus obtiveram valorizações bilionárias na bolsa de valores de Nova York, revelou o G1. Levantamento da consultoria Economatica mostra que a Novavax, que ainda está em fase de testagem de seu imunizante, lidera os ganhos.

A pesquisa da Economatica teve como base ações e ADRs negociadas na bolsa nova-iroquina e na bolsa eletrônica Nasdaq. Com isso, ficam de fora as chinesas Sinovac e Sinopharm, que têm capital aberto em bolsas asiáticas.

Para o levantamento, o recorte de tempo escolhido foi separado em três pontos: o primeiro é anterior ao momento mais crítico da crise do coronavírus nos mercados (21/2/20) e o último, no fechamento do mercado desta terça-feira (19/1/21). Um ponto de inflexão da curva foi fixado no dia 23 de março do ano passado, pior momento das bolsas na pandemia.

Enquanto os mercados derretiam, a Novavax passou pelo período crítico de fevereiro a março de 2020 com alta de 39%. A empresa, que acumulava, em fevereiro, cerca de US$ 205 milhões em valor de mercado, chegou nesta semana a US$ 8 bilhões.

Ou seja, a Novavax lidera o ranking de melhor retorno ao acionista – acima dos 1.500% desde fevereiro de 2020. O conceito de ‘retorno ao acionista’ soma a valorização das cotas com distribuição de dividendos.

Em testes de fase 3 no Reino Unido, Estados Unidos e México, a vacina da Novavax tem duas doses e usa o método chamado vacina recombinante. A empresa usou engenharia genética para cultivar réplicas inofensivas da proteína que o novo coronavírus usa para entrar nas células do corpo em meio a células de insetos em laboratório. Os cientistas extraíram, purificaram a proteína e a embalaram em nanopartículas do tamanho do vírus.

Receba nossas notícias por e-mail: Cadastre aqui seu endereço eletrônico para receber nossas matérias diariamente

publicidade inserida(https://www.ictq.com.br/pos-graduacao)

Em segundo no ranking do retorno ao acionista, está a Moderna, com alta de 585%. Em valor de mercado, a empresa passou de US$ 6 bilhões para mais de US$ 49 bilhões. A vacina da Moderna é a das mais eficazes à disposição (passa dos 94%), segundo dados divulgados.

Ela é feita com nova tecnologia desenvolvida com apoio do governo dos Estados Unidos, na qual é introduzido um pedaço do código genético do vírus no corpo humano, para que o corpo aprenda a reconhecer o vírus. Dessa forma, se entrar em contato com o vírus ‘de verdade’, ele consegue se defender.

O método é semelhante ao utilizado pela Pfizer, que também teve valorização no período pesquisado pela Economatica. Mas, como outras gigantes do setor, e com portfólio dedicado também a outros produtos, a alta não foi tão expressiva. Parceira de vacina com a alemã Biontech, a Pfizer viu subir 5% sua ações, entre fevereiro do ano passado e janeiro, chegando a US$ 204 bilhões.

No mesmo período pesquisado pela Economatica, a Astrazeneca, que desenvolve vacina em parceria com a Universidade de Oxford, teve alta de 6%, a US$ 133 bilhões. Já a Johnson&Johnson, que faz seu imunizante por meio da subsidiária Janssen e tem uma das fórmulas mais promissoras por necessitar de apenas uma dose, rendeu 11%, e passou a valer US$ 428 bilhões.

Ranking dos maiores retornos aos acionistas

  1. Novavax – alta de 1.558%
  2. Moderna – alta de 585%
  3. Biontech – alta de 223%
  4. Regeneron Pharmaceuticals – alta de 32,4%
  5. Johnson&Johnson – alta de 11,5%
  6. Astrazeneca – alta de 6,7%
  7. Pfizer – alta de 5,9%
  8. Sanofi – alta de 3%

Participe também: Grupos de WhatsApp e Telegram para receber notícias farmacêuticas diariamente

Obrigado por apoiar o jornalismo profissional

A missão da Agência de notícias do ICTQ é levar informação confiável e relevante para ajudar os leitores a compreender melhor o universo farmacêutico. O leitor tem acesso ilimitado às reportagens, artigos, fotos, vídeos e áudios publicados e produzidos, de forma independente, pela redação da Instituição. Sua reprodução é permitida, desde que citada a fonte. O ICTQ é o principal responsável pela especialização farmacêutica no Brasil. Muito obrigado por escolher a Instituição para se informar.

Veja mais materias sobre:

Farmacêutica, Indústria Farmacêutica, Covid-19

Atendimento

Atendimento de segunda a quinta-feira das 08:00h às 18:00h e sexta-feira das 08:00h às 17:00h (Exceto Feriados).

Telefones:

  • 0800 602 6660
  • (62) 3937-7056
  • (62) 3937-7063

Whatsapp

Endereço

Escritório administrativo - Goiás

Rua Benjamin Constant, nº 1491, Centro, Anápolis - GO.

CEP: 75.024-020

Escritório administrativo - São Paulo

Rua: Haddock Lobo, n° 131, Sala: 910, Cerqueira César.

CEP: 01414-001 , São Paulo -SP.

Fale conosco

PÓS-GRADUAÇÃO - TURMAS ABERTAS