ICTQ Matérias +Lidas do site

O custo da burocracia no registro de medicamentos

| 1988 views

O País tem de conviver com alguns obstáculos regulatórios e burocráticos para o registro de medicamentos novos. Na opinião da maioria dos farmacêuticos ligados à área, a morosidade e a burocracia interferem diretamente no interesse da população em ter acesso rápido e seguro aos diferentes tipos de medicamentos. Um bom exemplo é o caso da fosfoetanolamina, substância descoberta pela USP para tratamento do câncer e que não tem ainda registro na Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa).

Relação que o usuário tem com a bula do medicamento

| 1980 views

Segundo a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (ANVISA), a bula é o documento legal sanitário que contém informações técnico-científicas e orientadoras sobre medicamentos, as quais são disponibilizadas aos usuários em linguagem apropriada, ou seja, de fácil compreensão, nos estabelecimentos com atividade de dispensação de medicamentos, conforme lei vigente. Este instrumento traz informações preciosas sobre a ação do medicamento, indicações, riscos, modo de uso, reações adversas, conduta em caso de superdose, cuidados de conservação, posologia e outras informações importantes. Sabendo da importância da bula para o uso racional de medicamentos, o ICTQ realizou uma pesquisa que mostra a relação que o usuário tem com tal documento.

O Futuro do Farmacêutico

| 1951 views

O mercado farmacêutico passa por modificações profundas, seja na sua regulação, seja na maior competitividade entre as empresas. Esta concorrência força os players do setor a rever suas estratégias, geralmente racionalizando custos e, principalmente, analisando seus recursos humanos, tanto no número, quanto nas competências.

Desenvolvimento de Fármacos – Avanços e Perspectivas

| 1929 views

A descoberta e o desenvolvimento de fármacos é um processo multidisciplinar de elevada complexidade e envolve alto custo e longo prazo para execução. Além disso, novos paradigmas provenientes do avanço tecnológico freqüentemente afetam e influenciam de modo decisivo este processo.(1, 2) Considerando-se as diversas etapas envolvidas nas fases pré-clínica e clínica são necessários de 10 a 15 anos, prevalecendo uma taxa de insucesso normalmente superior a 95% e investimentos em torno de US$ 1,8 bilhões, segundo alguns estudos.(3-6).

A pílula que mudou o mundo

| 1927 views

“Quando eu era criança, eu e meus irmãos vivíamos correndo e brincado pela rua com meus primos. Lembro-me de uma época em que éramos, ao todo, 32 crianças, entre 3 e 15 anos...eram meus 9 irmãos e irmãs e mais 23 primos e primas de minhas outras três tias. Nós éramos muito felizes”, relembra a aposentada de Diadema (SP), Vera Cristina Coelho, de 76 anos. Apesar de toda a felicidade citada por ela, é fato que essas quatro mulheres (as mães) produziram, em média, oito crianças cada! Isso era muito comum naquela época, mas estava um pouco acima da média de fecundidade medida pelo IBGE, que era de 6,2 filhos por mulher (1940-1950). A discrepância é que essa mesma taxa despencou para 1,77 filho por mulher em 2014.

Empresas apostam no conhecimento in company

| 1918 views

É certo que a atuação dos talentos em uma corporação é fator preponderante para o diferencial competitivo e para a rentabilidade do negócio. A questão é: esse valioso capital humano surge basicamente de um dom instintivo ou nasce de um ambiente inovador, estimulante e desafiador? Os especialistas afirmam que ambas as respostas estariam corretas, e mais: elas se complementam!

Gestão Farmacêutica

Professor do ICTQ lança livro sobre Gestão Farmacêutica

| 1906 views

A gestão estratégica é um terreno muito pouco explorado pelo profissional farmacêutico. Pensando nisso os autores Leonardo Doro Pires (professor do ICTQ e criador do selo “O Farmacêutico Gestor”), Lenin Cavalcanti Brito Guerra e Marcel Lima Ribeiro Dantas estão lançando, em abril de 2015, o livro Gestão Estratégica para Farmacêuticos (Ed. Contento). A obra é recebeu a apresentação do empresário Marcus Vinicius de Andrade (fundador do ICTQ) e do presidente do Conselho Científico do ICTQ e ex-presidente da Anvisa, Dirceu Raposo de Mello.

Consumo de Remédio sem Receita

População de Belém consome remédio controlado sem receita

| 1905 views

Cerca de um em cada quatro moradores de Belém consome medicamento controlado, tarja preta ou vermelha, sem prescrição médica. É um dos consumos mais indiscriminados do País, segundo pesquisa realizada pelo instituto Datafolha e o Instituto de Pós-graduação para Farmacêuticos (Ictq). A parcela belenense é bem superior a média nacional (20%) e só fica atrás dos índices apontados em Fortaleza (38%), Goiânia (33%), Salvador (25%) e Rio de Janeiro (25%). De acordo com o estudo, o remédio virou um produto de uso comum e isso aumenta a compra sem receita.

Bases Farmacológicas e Desenvolvimento de Fármacos

| 1874 views

Nos países mais desenvolvidos, a pressão industrial por registros de patentes e domínio do mercado farmacêutico está direcionada à descoberta de substâncias, estruturalmente inovadoras e com potencial para avaliação farmacológica. A resposta a esta demanda estabelece um novo paradigma na busca por compostos-protótipo. Assim, diferentes modelos de conformação molecular têm sido desenvolvidos, criando verdadeiras “quimiotecas” de estruturas moleculares, gerando expectativas e, na maioria das vezes, resultados frustrantes.

Farmacêutico Atuação Política

A CARREIRA DO FARMACÊUTICO COM ATUAÇÃO POLÍTICA

| 1866 views

PERFIL

O Farmacêutico que escolher ter uma Atuação Política experimentará muito prestígio no meio profissional. Os que a exercem são responsáveis por apontar qual rumo a profissão farmacêutica deve seguir. Além disso, cabe aos que ocupam os cargos políticos ligados ao segmento farmacêutico (como nos conselhos da classe) atuar na regulação das demais carreiras farmacêuticas, visando sempre à defesa da profissão e da sociedade. Não está sendo abordada aqui a atuação em cargos públicos nas esferas federal, estaduais e municipais.

Mercado farmacêutico

Mercado farmacêutico carece de inovação tecnológica na produção

| 1854 views

Em todo o mundo é fundamental o investimento na agregação de conhecimento, de tecnologia e de inovação para aumentar a competitividade nas indústrias farmacêuticas. A produção de medicamentos é um fator de desempenho econômico importante, mas o real valor desse mercado, principalmente nos países desenvolvidos, é o de reduzir os gastos com saúde, inclusive com medicamentos, e assegurar o acesso geral da população aos tratamentos de forma racional.

Farmácia é lugar de comprar beleza também

| 1795 views

Já se foi o tempo em que as farmácias e drogarias eram procuradas apenas por pessoas doentes em busca de remédios. Hoje é cada vez maior o número de consumidores que compram produtos de beleza e de higiene pessoal nesses estabelecimentos. Entre os goianienses, esse hábito é ainda mais frequente que na média nacional. É o que revela o 1º Levantamento Nacional do Perfil de Compradores em Farmácias, realizado pelo Instituto de Pós Graduação para Farmacêuticos (ICTQ) em parceria com o Instituto Datafolha.

Pesquisa ICTQ aponta preferência dos consumidores de HPC

| 1783 views

Estudo inédito “Perfil de Consumo de HPC”, realizado pelo Instituto de Ciência, Tecnologia e Qualidade (ICTQ) em 16 capitais do País, revela o que tem motivado o consumidor brasileiro na hora de comprar produtos de higiene pessoal e cosméticos (HPC). Foram entrevistadas 2.088 pessoas, sendo que a abordagem foi realizada em pontos de grande movimento dos centros urbanos.

Nova resolução da Anvisa mobiliza indústrias farmacêuticas

| 1765 views

Termina em dezembro de 2015 o prazo para a Resolução da Diretoria Colegiada (RDC) 58/13, da Anvisa, entrar em vigor. O setor produtivo de medicamentos faz pressão para que este limite para implementação da nova norma seja ampliado por conta das inúmeras dificuldades técnicas enfrentadas e da complexidade dos estudos relacionados à regra.

Voltar

Atendimento

Atendimento de segunda a sexta-feira,
das 08:00 às 18:00 horas.

Telefones:

  • 0800 602 6660
  • (62) 3937-7056
  • (62) 3937-7063

Whatsapp

  • (62) 99473-1495

 

 

Endereço

Escritório administrativo - Goiás

Rua Benjamin Constant, nº 1491, Centro, Anápolis - GO.

CEP: 75.024-020

Escritório administrativo - São Paulo

Rua: Haddock Lobo, n° 131, Sala: 910, Cerqueira César.

CEP: 01414-001 , São Paulo -SP.

Telefones:

(11) 2607-6688
(11) 2268-4286

Fale conosco